Chapecó – Colônia de Férias prossegue até dia 31

Desde o dia 2 janeiro 270 crianças do berçário ao pré-escolar, da Rede Municipal de Ensino, participam do projeto Colônia de Férias. Para entreter os pequenos nesse período, a programação traz conhecimento e diversão, saindo da rotina.

Segundo a Secretária Municipal de Educação Astrit Tozzo, todo o planejamento pedagógico do projeto foi feito sem esquecer que os alunos estão em período de recesso escolar. “Por isso as atividades diárias são diferentes do conteúdo visto ao longo do ano letivo. Queremos que se divirtam e aprendam juntos, lembrando que a brincadeira é muito benéfica para o desenvolvimento cognitivo e social da criança”, explica a secretária.

Um exemplo disso, na prática, é a Escola Parque Cidadã Leonel de Moura Brizola. Na EPC 75 crianças, divididas em duas turmas de berçário, uma de maternal e uma de pré-escolar, participam de contação de histórias, joguinhos, pinturas, musicalização e diferentes brincadeiras aliando atividades lúdicas e educativas,  coordenadas por profissionais habilitados em Educação Infantil.

Para atender aos alunos, a Secretaria Municipal de Educação disponibilizou uma estrutura de 82 funcionários, entre professores, agentes educativos, coordenadores, técnicos, serventes e merendeiras, distribuídos nos 6 CEIM’s pólos, estrategicamente definidos para atender as necessidades da população. O projeto conta ainda com uma equipe que acompanha o planejamento pedagógico realizado em cada polo.

Desenvolvido pela Prefeitura de Chapecó, o projeto atende à solicitação da comunidade escolar, por entender que as políticas de atenção às crianças em situação de risco social ou pessoal se fazem necessárias. Segundo Astrit, entende-se por situação de risco, crianças que por suas circunstâncias de vida estão expostas a algum tipo de violência, seja uso de drogas, privações de ordem afetiva, cultural e sócio-econômica, que interferem o seu pleno desenvolvimento. “Diariamente estas crianças participam de exercícios recreativos, esportivos e culturais. Além de tranquilizar os pais que necessitam dos serviços, cumprir o papel social que se espera da escola, a atividade oportuniza mais aprendizado, educação e qualidade de vida as nossas crianças”, disse.

Pin It

Comentários estão fechados.