Campanha Nacional de Multivacinação é realizada até esta sexta

A Prefeitura de Ibirama e a Secretaria Municipal de Saúde lembram que nesta sexta-feira, dia 22 de setembro, encerra a Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização de Caderneta de Vacinação, realizada desde o dia 11. Em Ibirama, até esta quarta-feira (20), 359 crianças e 123 adolescentes foram atendidos.

No município, as vacinas são disponibilizadas em três Unidades Básicas de Saúde: Posto de Atendimento Médico – PAM do Centro, Bairro São Miguel e no Distrito de Dalbérgia.

A multivacinação é uma estratégia adotada desde 2012, com a finalidade de atualizar a situação vacinal da população de crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade (14 anos 11 meses e 29 dias).

Com a campanha, o Ministério da Saúde busca resgatar a população não vacinada, com o objetivo de melhorar as coberturas vacinais e manter controladas, eliminadas ou erradicadas as doenças no país.

Veja quais são as vacinas oferecidas durante a campanha:

BCG (contra formas graves de tuberculose) – destinada a menores de cinco anos;

Hepatite A – para menores de cinco anos;Penta (hepatite B, difteria, tétano, coqueluche e haemophilus influenzae B) – para menores de sete anos;

Hepatite B – para crianças de até 30 dias de idade; crianças e adolescentes entre sete anos e menores de 15 anos;

VIP (vacina inativada contra a poliomielite) – para menores de cinco anos;

VOPb (vacina oral contra a poliomielite) – menores de cinco anos;

Rotavírus humano – para crianças de até sete meses de idade;

Pneumocócica dez valente – menores de cinco anos;

Meningocócica C conjugada – crianças a partir de três meses de idade a menores de cinco anos e adolescentes de 12 e 13 anos;

Tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) – crianças a partir de 12 meses de idade e adolescentes menores de 15 anos;

Tetraviral (sarampo, caxumba, varicela e rubéola) ou tríplice viral + varicela (atenuada) – menores de cinco anos;

DTP (difteria, tétano e coqueluche) – até menores de sete anos;

DT (difteria e tétano) – para crianças a partir de sete anos e adolescentes menores de 15 anos;

DTPA (difteria, tétano e coqueluche acelular) – para gestantes menores de 15 anos de idade;

HPV (papiloma vírus) – meninas de nove a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos;

Febre amarela.

Sheyla Germano

Pin It
Você gostaria de comentar?