Já classificado, Rio do Sul quer esquecer conquista e se foca no Pinheiros

A reapresentação do time Rio do Sul/Equibrasil nesta quarta-feira após a folga de Carnaval serviu para a comissão técnica já definir a estratégia que irá adotar nas últimas duas partidas do returno da Superliga Feminina. Com a 8ª colocação assegurada e um lugar garantido nos playoffs, o time agora terá pela frente o Pinheiros (SP) em São Paulo na segunda-feira (18) e o Praia Clube (MG) em Rio do Sul dia 22. É possível que o time suba mais uma colocação na tabela caso vença os dois compromissos restantes e conte com tropeços do 7° colocado, o Usiminas (MG).

O Pinheiros é o atual 6° colocado na classificação com 21 pontos e sete vitórias. Uma delas foi inclusive contra Rio do Sul em Santa Catarina por 3 sets a 2 no turno. “Naquela ocasião tivemos um jogo muito tenso e perdemos por detalhes pequenos. Só que nós aprendemos a lição, e vamos tentar mostrar que não estamos satisfeitos apenas com o 8° lugar na classificação”, ressaltou o treinador de Rio do Sul, Rogério Portela. O jogo começa às 18h30 com transmissão ao vivo pelos canais Sportv e Esporte Interativo.

O time Rio do Sul/Equibrasil iniciou nesta quarta-feira os treinamentos no ginásio do Sesi no bairro Canta Galo em Rio do Sul. O ginásio Artenir Werner – principal local de treinos e de jogos da equipe na temporada – está sendo utilizado para o Torneio de Verão, campeonato de futsal que chega neste ano à 38ª edição e reúne equipes de Santa Catarina até o dia 23 de fevereiro.

Com esta mudança, os treinos diários e o último jogo do returno de Rio do Sul contra o Praia Clube no dia 22 será no ginásio do Sesi às 21h. O local tem capacidade para cerca de 1,2 mil expectadores. O jogo de Rio do Sul em casa no playoff será em março, mas ainda sem dia confirmado pela CBV. Para esta partida Rio do Sul volta para o Artenir Werner que é maior, onde a capacidade é para 1,5 mil pessoas.

O técnico Rogério Portela explica que independente do local de treino e de jogos, o time terá de manter a mesma ganância que demonstrou em partidas anteriores da Superliga. “A gente se classificou com antecedência e isso foi ótimo. Mas não é motivo para relaxar, pois não acabou ainda”. O adversário paulista tem o terceiro melhor bloqueio da competição e conta com a ponta Andréia, sexta maior pontuadora da Superliga.

Pin It

Comentários estão fechados.