Atlético goleia Metrô em pleno Sesi

A segunda vitória do Atlético Hermann Aichinger no Campeonato Catarinense lavou a alma do torcedor da região. Além de ganhar do Metropolitano, em pleno Estádio do Sesi, em Blumenau, a festa foi pela goleada por 4 a 1. Em apenas uma partida o time de Ibirama marcou a mesma quantidade das seis rodadas da competição. Agora o Atlético tem três partidas consecutivas no Estádio da Baixada. A primeira será domingo às 16 h diante do Camboriú. No dia 3 de março, no encerramento do turno, enfrenta a Chapecoense. E na sequência ao Avaí, no dia 10, data que poderá ser alterada em caso de eventual transmissão pela TV fechada.

O Metropolitano começou melhor com o goleiro Paulo Sérgio sendo destaque em vários momentos do primeiro tempo. Com uma formação completamente diferente das outras partidas, como a entrada de Xipote como primeiro volante e Bruno jogando mais na frente, o Atlético teve dificuldades para se encontrar em campo. O técnico Mauro Ovelha aproveitou o tempo técnico, aos 25min, para corrigir o posicionamento. E deu certo. Aos 31 depois de Jenison apareceu na frente do gol e marcou. O Metropolitano nem tinha assimilado e levou o segundo com Dinis.

Na volta para a etapa complementar a preocupação era não tomar gols nos minutos iniciais. Aos 5min Xipote sofreu uma indisposição em razão do forte calor. Em seguida Rafael Costa descontou. O Metrô passou a pressionar em busca do empate, mas novamente a marcação implacável do Atlético não permitiu. Depois de jogada pela esquerda, Jenison recebeu livre na entrada da área e fez 3 a 1 aos 34min. Os blumenauenses ainda esboçaram reação, desordenadamente. Mas Jean Carlos anotou o quarto, aos 45min, fechando a goleada atleticana.

Os jogadores do Atlético comemoraram muito o resultado, até mesmo porque as atuações não vinham convencendo. Como o atacante Beto não pode estrear e Ovelha optou por deixar Adriano como opção no banco, Jenison autor de dois gols, foi o companheiro de Jean Carlos. Ele acredita que a partir de agora o time encontrou o caminho certo. Dinis que teve a oportunidade começar o jogo destacou que “sempre é bom marcar gol, ainda mais num clássico como esse”.

FICHA TÉCNICA

Metropolitano (1)
Dida; Régis (Portela), Thiago Couto, Elton e Rafinha; Nilson Junior (David), Edmar, Andrei e Thiago Cristian; Daniel (Ermínio) e Rafael Costa. Técnico: Abel Ribeiro.

Atlético Hermann Aichinger (4)

Paulo Sérgio; Thoni, Alemão, Jajá e Santos; Carlinhos Santos, Xipote (Vanderlei), Bruno e Jenison (Marcelo Kilder); Dinis (Matosinho) e Jean Carlos. Técnico: Mauro Ovelha.

Arbitragem: Paulo Henrique de Godoy Bezerra, auxiliado por Helton Nunes e Thiago Americano Labes.

 

Gols: Jenison aos 31min e Dinis aos 34, no 1º tempo;, Rafael Costa (M) aos 6min;, Jenison aos 34; e Jean Carlos aos 45min no 2º tempo.

Pin It

Comentários estão fechados.