Rio do Oeste: Prefeitura trabalha na limpeza e na recuperação dos danos causados pela enchente

Limpeza1

Com o nível do rio Itajaí do Oeste voltando ao normal, a Prefeitura de Rio do Oeste trabalha mais uma vez na limpeza de ruas e espaços públicos atingidos pela enchente que castigou a cidade no início deste mês. A água invadiu ruas, casas, comércio e prédios públicos.

Quando o assunto é a recuperação das estradas vicinais, o trabalho se concentra principalmente nas localidades de Santa Luzia, Cabeça D`Anta, Jundiá, Café, Sumidor, Angico e Anta Gorda. Na área urbana, vem sendo finalizada a limpeza das ruas que ficaram alagadas, das praças e das estruturas mantidas pela Prefeitura, como o Centro de Controle de Zoonose, o Centro de Educação Infantil Menino Deus, o Ginásio Municipal, o pavilhão da Fepol e a antiga Prefeitura. “Para atender as famílias afetadas nós disponibilizamos três abrigos. Mas todas as pessoas atendidas nesses locais já puderam voltar pra casa”, observa o coordenador da Defesa Civil Josnei Moser.

O prefeito em exercício Luis Carlos Müller solicitou também à Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul (ADR), através do secretário regional Ítalo Goral, a recuperação da rodovia SC-350, que liga Rio do Oeste a Taió.

No dia 5 de junho foi decretada Situação de Emergência no município. “Até segunda-feira, dia 19, a Defesa Civil municipal deve concluir o relatório que destaca os danos e prejuízos causados pela enchente, envolvendo inclusive dados do comércio, indústria e agricultura”, explica o prefeito.

Pin It
Você gostaria de comentar?