Regional de Ibirama tem dois trabalhos selecionados para Feira Nacional de Matemática no Acre

A Regional de Ibirama tem dois bons motivos para iniciar a semana comemorando os resultados na Educação. É que as escolas estaduais Papa João XXIII e Regente Feijó tiveram trabalhos selecionados na 33ª Feira Catarinense de Matemática que aconteceu em criciúma de 27 a 29 de setembro e agora já se preparam para participar da Feira Nacional que acontece no Acre de 30 de maio a 1º de junho.

trabalho EEB Papa João XXIII foto: Daniel Cassol

trabalho EEB Papa João XXIII foto: Daniel Cassol

A EEB Papa João XXIII, de Presidente Getúlio, levou para Criciúma três trabalhos e classificou um deles: Os números da minha turma,apresentado pelas alunas Beatriz Camile Dalpiaz  e Gabriele Raissa Nassin Deucher do sexto ano. De acordo com a professora orientadora, Fabiula Grasiela Brandt, elas montaram um perfil da turma. “Trabalhamos questões sobre time de futebol preferido, comida, matéria que eles mais gostavam, média de altura e até tempo gasto para ir para escola. Estamos surpresos e muito orgulhos com o resultado. Nossa expectativa agora é representar bem nossa Gered e Estado e mostrar que Santa Catarina tem um excelente desenvolvimento da  matemática”.

EEB Regente Feijó

EEB Regente Feijó

Já a EEB Regente Feijó levou um trabalho, Transporte na Robótica: simulando o real, e voltou para casa festejando a sua indicação para a Feira Nacional. Os alunos responsáveis pela apresentação, Vitor Hugo Frutuoso e Douglas Gorges, são do oitavo ano. A professora responsável, Franciela Aragão, explica que o trabalho envolveu diversos conceitos matemáticos como função linear, regra de três simples e composta, gráficos e outros elementos, todos utilizados dentro do transporte. “Trabalhamos de maneira multidisciplinar e sabíamos que o projeto era realmente muito bom, mas o resultado foi até uma surpresa porque todos eram excelentes na nossa categoria então estamos muito felizes”, comentou.

O gerente Regional de Educação, Nilo Poffo, parabenizou os alunos e professores pelo excelente desempenho na Feira Catarinense e destacou que os trabalhos selecionados representam a dedicação de todas as escolas no ensino da matemática. “Esses estudantes e professores são um orgulho para nossa Regional e tenho certeza que fazer e apresentar trabalhos como esses vai muito além das premiações, essa é uma oportunidade de irem cada vez mais longe e estaremos aqui torcendo por eles”, falou.

Evento reuniu 148 trabalhos

Ao todo a 33ª Feira Catarinense de Matemática foi realizada no Pavilhão José Ijair Conti e reuniu em Criciúma 148 trabalhos de estudantes de todos os níveis de ensino de escolas públicas e privadas do Estado. O evento foi uma realização do IFSC Criciúma, IFC Sombrio, Satc, Unesc, Furb, Gerência Regional de Educação (Gered) e Secretaria Municipal de Educação.

Helena Marquardt

Pin It
Você gostaria de comentar?