Rede Feminina de Ibirama oferece serviço gratuito de fisioterapia para mulheres que passaram por mastectomia

Mulheres que passaram por cirurgia para retirada das mamas em virtude de um câncer podem contar com um apoio da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Ibirama (RFCC) para recuperar a saúde o mais rápido possível e ter mais qualidade de vida. É que a entidade oferece serviços de fisioterapia gratuita através de voluntárias.

A fisioterapeuta, Iaranice Gonçalves Hardt, que é voluntária da Rede, explica que a técnica da drenagem linfática nos braços é bastante indicada para quem fez mastectomia. “Geralmente são retirados alguns linfas junto com a mama e os braços começam a inchar e as mulheres acabam tendo dor ou algum desconforto, então com fisioterapia conseguimos aliviar esses sintomas e melhorar o bem estar das pacientes para que elas tenham mais qualidade de vida”, esclarece.

A Rede oferece ainda diversos outros serviços totalmente gratuitos como o Reiki. A presidente da RFCC de Ibirama, Cintia Catafesta Francisco, conta que essa é uma terapia através da imposição das mãos e que também melhora o bem estar das mulheres. “Ela serve para energizar e dar equilíbrio as pacientes que passam, por este momento difícil. Essas terapias que oferecemos junto com outros serviços como aulas de arte e empréstimo de perucas são ferramentas importantes para que as mulheres possam recuperar a saúde e até a autoestima e entender que o câncer não é uma sentença de morte”, completa.

Helena Marquardt

Pin It
Você gostaria de comentar?