Projeto Saúde de quem Cuida é desenvolvido em Ibirama

2

A Prefeitura de Ibirama, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, iniciou nesta sexta-feira (17), um projeto-piloto de Atenção à Saúde Mental dos profissionais da Secretaria de Saúde: “Saúde de quem cuida”. A intenção da ação é mobilizar esforços para apoiar a qualidade de saúde dos profissionais, a partir do uso de Práticas Integrativas e Complementares, como: aromaterapia, cromoterapia, reflexoterapia e escalda pés.

O prefeito de Ibirama Adriano Poffo, a secretária municipal de saúde de Ibirama Izabel Petersen, a coordenadora do Posto de Atendimento Médico – PAM do Centro e da Atenção Básica Dianare Cucco Stupp e a diretora de saúde Morgana Gnich acompanharam o início dos trabalhos no Posto de Atendimento Médico Central – PAM e aprovaram a iniciativa.

Saiba mais

As Práticas Integrativas e Complementares – PICs permitem ao profissional de saúde abordar o processo saúde doença a partir de uma visão ampliada, promovendo o cuidado holístico e favorecendo o autocuidado e a corresponsabilização ao tratamento. As PICs buscam estimular os mecanismos naturais de prevenção de doenças e da recuperação da saúde por meio de tecnologias eficazes e seguras, com ênfase na escuta acolhedora, no desenvolvimento do vínculo terapêutico e na integração do ser humano com o meio ambiente e a sociedade (BRASIL).

O projeto “Saúde de quem Cuida”, acontecerá semanalmente em atendimentos individuais, com horário agendado, a partir da disponibilidade e interesse pessoal de cada servidor. O projeto é organizado pelo Núcleo de Apoio à Saúde da Família – NASF da Secretaria Municipal de Saúde. As atividades são desenvolvidas pela enfermeira Gabriela Romão.

Dados da OMS

O Dia Mundial da Saúde Mental é lembrado, anualmente, no dia 10 de outubro. Neste ano a Organização Mundial da Saúde (OMS), utilizou como tema ‘Saúde Mental no Trabalho, com o objetivo de alertar sobre o tema e mobilizar esforços para apoiar uma melhor saúde mental de todos.

Segundo a OMS, durante nossa vida adulta, uma ampla proporção do nosso tempo é gasta no trabalho. Nossa experiência no local de trabalho é um dos fatores que determinam nosso bem-estar geral. Ainda segundo a OMS, corroborado com estudos recentes, empregadores e gestores, ao adotarem iniciativas para a promoção da saúde mental no local de trabalho, e que apoiam funcionários que têm transtornos mentais, apresenam ganhos não apenas na saúde de seus funcionários, mas também em sua produtividade.

Um elemento importante para criar ambientes de trabalho saudáveis é desenvolver legislação, estratégias e políticas governamentais sobre o tema, de acordo com a OMS. O ambiente de trabalho saudável pode ser descrito como aquele em que trabalhadores e gestores contribuem ativamente para o a promoção e proteção da saúde, segurança e do bem-estar de todos os funcionários (OMS).

Sheyla Germano

Pin It
Você gostaria de comentar?