Produtores getulienses de Noz Pecan aprimoram conhecimentos

DSC_6848
Três produtores de Presidente Getúlio participaram de um curso para aprimorar os conhecimentos quanto ao cultivo da Noz Pecan, no Colégio Politécnico da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) no Rio Grande do Sul. A capacitação aconteceu entre os dias 30 de junho a 02 de julho. O curso teve cerca de 50 participantes.
No primeiro dia, Anderson Zanella, Glauco Lindner e Vilmar Grimm, fizeram uma visita a Metalúrgica Schilin, em Panambi. Lá, conheceram uma máquina de descascamento de nozes e outra de classificação. Ainda na sexta- feira visitaram a unidade de pesquisa e demonstração do cultivo de Pecan e Outras Frutas do Colégio Politécnico e participaram da 30ª edição do Curso de Cultivo da Nogueira Pecan na UFSM, que teve continuação no sábado, 01.
O último dia foi para aquisição de mudas de nogueira com  variedades que ainda não há no Alto Vale, de Cachoeira do Sul e após o retorno à Santa Catarina.
Para Glauco Lindner (que também é extensionista da Epagri de Rio do Sul) , é perceptível o crescimento do cultivo desse fruto. “Não existe mais comparação com o que existia de conhecimentos a 10 ou 20 anos.”. E acrescenta “a viagem foi muito boa porque serviu para ampliarmos ainda mais o conhecimento quanto ao cultivo, processamento e comercialização”.
Já existem máquinas sendo produzidas no Brasil, tanto para ajudar no manejo do pomar quanto para o processamento das amêndoas, especialmente pensando no modelo da agricultura familiar.
Para abril de 2018 está programado um seminário sobre o cultivo da nogueira, com a presença de professores da Universidade da Geórgia, dos Estados Unidos, que também acontecerá no Rio Grande do Sul.
Alguns acontecimentos se mostram positivos para o desenvolvimento da pecanicultura. “Um exemplo foi o encontro do Grupo de Produtores de Nozes Pecan do Alto Vale que aconteceu em Presidente Getúlio, em maio, com mais de 60 participantes, entre agricultores, professores, técnicos e interessados no cultivo”, salienta Grimm.
Crislene Roberta.
Pin It
Você gostaria de comentar?