Prefeitos do Vale Norte conhecem usina de asfalto em Pinhalzinho, construída através de consórcio, e estudam implantar empreendimento do mesmo modelo na região

Foto Egon Gabriel Junior - ADR Ibirama

Nesta terça-feira, dia 21, prefeitos e assessores dos nove municípios que compõem a Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Ibirama realizaram uma visita técnica a usina de asfalto de Pinhalzinho, no Oeste de Santa Catarina, construída através de um consórcio entre 15 cidades e que diminuiu os custos com pavimentações na região em até 40%. A viagem foi organizada pela Gerência de Planejamento Regional e Apoio a Políticas Públicas da ADR e a intenção é implantar uma usina parecida no Vale Norte.

Na região, além de conhecem o empreendimento, inaugurado em 2011, os prefeitos também conversaram com o prefeito de Pinhalzinho e presidente do consórcio, Mário Afonso Woitexem, que falou sobre a importância da usina para a região. “Além de beneficiar a população de cada cidade com a pavimentação, também temos que destacar a união dos 15 municípios com um único objetivo que é o crescimento regional. A pavimentação asfáltica traz a que ela traz a urbanização, o conforto para cada munícipe, mas também o desenvolvimento e crescimento porque hoje qualquer empresa ou negócio precisa de logística.”

Mário também falou aos prefeitos sobre a economia dos municípios participantes do consórcio. “O município tem que visar cada vez mais reduzir custos e a pavimentação asfáltica requer muito menos manutenção e sobra mais dinheiro para comprar uma área para destinar indústrias, para fomentar o comércio e a prestação de serviços e tudo isso ela traz porque economizamos dinheiro. Então vejo que os municípios ai do Alto Vale que vieram ver isso estão no caminho certo.”

O gerente de Planejamento Regional e Apoio a Políticas Públicas da ADR de Ibirama, Egon Gabriel Junior, enfatizou que o papel da Agência é levar o desenvolvimento e apresentar alternativas para os municípios. “Por isso organizamos a viagem a Pinhalzinho. Aqui pudemos perceber que a ideia tem dado certo e também é possível colocá-la em prática no Vale Norte.”

Para o prefeito de José Boiiteux , Jonas Pudewell, que acompanhou a comitiva,  a visita foi bastante produtiva. “A gente vê que isso é o futuro. Como temos  na nossa região o consórcio da Amavi para outros setores, aqui eles tem para fazer asfalto. Sabemos do custo e claro que temos que avaliar e buscar todo o conhecimento primeiro antes de implantar, mas achei bem interessante pois os números apresentados aqui são muito bons. Acredito que será um trabalho a médio e longo prazo, mas se ninguém começar nunca vai funcionar.”

Depois da visita técnica, os prefeitos devem se reunir novamente nos próximos dias  para discutir o investimento necessário para a implantação.

Helena Marquardt

Pin It
Você gostaria de comentar?