Ministro da justiça acerta detalhes sobre a “Operação Divisas”

A Polícia Rodoviária Federal está apoiando o DEAP e a Secretaria de Segurança Pública neste processo contra os atentados que vem ocorrendo no Estado.

No sábado (16), a PRF participou da escolta de presos que foram para penitenciárias federais. Ainda no sábado foi deflagrada a Operação Divisas pelo Ministro da Justiça, que esteve toda a manhã em Florianópolis.

Todos as rodovias federais na região de fronteira e região de divisa com os Estados do Paraná e Rio Grande do Sul terão barreiras fixas, 24 horas por dia. Para poder cumprir esta missão PRFs de outros Estados vieram para Santa Catarina. Além disso, contarão com equipes táticas da PRF policiando estas regiões.

Nestas barreiras fixas haverá apoio da Receita Federal. A Polícia Militar Rodoviária também fará barreiras nas rodovias estaduais nas regiões de divisa com os Estados do PR e RS.

O Ministro da Justiça deixou claro na reunião que a Força Nacional está no Estado sob o comando da Polícia Militar de Santa Catarina e veio para apoiar e dar continuidade ao bom trabalho que está sendo desenvolvido pela PM/SC.

O Ministro da Justiça esclareceu também que esta é uma luta do bem contra o mal. O sucesso da operação contra os atentados depende da união de esforços federal, estadual e municipal. O Ministro elogiou o trabalho que vem sendo desenvolvido pela Polícia Militar, Polícia Civil e DEAP.

Também elogiou a expedição de 97 mandados de prisão e o cumprimento de aproximadamente 70.

A PRF/SC recebeu um scanner para auxiliar no trabalho de apreensão de armas e drogas. A viatura completa foi mostrada ao Ministro da Justiça e ao Governador de SC.

[nggallery id=246]

Pin It

Comentários estão fechados.