Jaraguá do Sul – Prefeito Dieter visita sistema modal de Joinville

O prefeito de Jaraguá do Sul, Dieter Janssen, o presidente da Fundação Instituto de Pesquisa e Planejamento Físico-Territorial de Jaraguá do Sul  Benyamin Parham Fard (Ipplan) e o Diretor de Trânsito Rogério Kumlehn estiveram na manhã desta segunda-feira (11/02), em Joinville, para  verificar o funcionamento dos corredores de ônibus e ciclofaixas na cidade.

Entre os pontos analisados, estacionamentos em ruas onde existem corredores, ciclofaixas interligadas, número de pistas de rolagem para os carros, bem como a ligação entre os terminais inter-bairros  Nas principais ruas, João Colin e Blumenau, onde os corredores de ônibus estão instalados, não há vagas de estacionamentos.

Em relação as ciclofaixas os locais analisados foram os bairros Boa Vista, Iririú e centro. Nestes, as análises partiram de locais de início e término, bem como integração das ciclofaixas.Em Jaraguá do Sul os primeiros corredores serão instalados nas próximas semanas e as vias contemplam vagas para estacionamentos no lado direito e ciclofaixa interligada com áreas mais distantes ao centro da cidade.Para o prefeito Dieter Janssen a integração das ciclofaixas é necessária para facilitar o trânsito do ciclista que sai de uma determinada região da cidade até seu ponto de trabalho. É a modernização dos eixos de circulação no município”.

Ele também  ressaltou que em Joinville, “mesmo sem as vagas e estacionamentos em vias que possuem o corredor, o comércio continua forte e não foi afetado com a retirada das mesmas”.  A visita também mostrou que Jaraguá do Sul está avançando em questão de mobilidade urbana, pois está integrando seu sistema modal de trânsito.

Bicicletas – O Ipplan realizou levantamentos estatísticos e constatou-se um significativo fluxo de ciclistas na vias centrais da cidade. Entre as principais, o instituto destaca a Avenida Marechal Deodoro da Fonseca, que possui índices de fluxo de aproximadamente 900 por ciclistas por dia (período de 8 horas) em dias nublados, e de aproximadamente 1.200 ciclistas em dias úteis com tempo secos.  Verificou-se também que parte dos ciclistas trafegam na contra-mão do fluxo da via, fato este que não será permitido com a implantação das novas ciclofaixas centrais (para a segurança dos ciclistas, pedestres e motoristas).

Pin It

Comentários estão fechados.