Japão ativa alerta amarelo devido a risco de tsunami provocado por terremoto nas Ilhas Salomão

Por precaução, o Japão ativou hoje (6) o alerta amarelo de tsunami para toda a Costa Oriental do país, depois de um terremoto de 8 graus na escala Richter nas Ilhas Salomão. O alerta foi feito pela Agência Meteorológica do Japão, que advertiu para a possibilidade de ocorrência de um aumento de 50 centímetros no nível do mar.

O alerta atinge 17 prefeituras do Japão, ameaçadas pelo risco de tsunami provocado pelos tremores de terra. Uma das áreas é a região de Ogasawara, da qual faz parte a área metropolitana de Tóquio, a capital japonesa. Os moradores foram orientados a manter distância da costa.

O terremoto nas Ilhas Salomão teve como epicentro a região de Santa Cruz, no Sudeste do arquipélago. O Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico, com sede no Havaí, indicou que o tsunami foi provocado pelo aumento do nível do mar em 1 metro de altura. As Ilhas Salomão estão na região denominada Anel de Fogo do Pacífico, uma área de grande atividade sísmica e vulcânica.

Pelo menos cinco pessoas, incluindo uma criança, morreram em decorrência do terremoto seguido por tsunami. Os cálculos iniciais indicam que mais de 50 casas foram destruídas parcial ou totalmente, em três aldeias, e o aeroporto ficou inundado quando a onda de um metro atingiu a localidade de Lata, em Santa Cruz.

Pin It

Comentários estão fechados.