Importância do apoio da família no processo de parar de fumar é tema de palestra em Agrolândia

31 de maio – Dia Mundial sem Tabaco. A data foi instituída pela Organização Mundial da Saúde há 30 anos, como um alerta sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao Tabagismo. No Brasil, um trabalho desenvolvido pelas Secretarias de Saúde é a criação do Grupo de Combate ao Tabagismo, que reúne fumantes decididos a sessar o vício.

Agrolândia é uma das cidades do Alto Vale que desenvolve essa atividade. E nesta quarta, para marcar a data, vai ter encontro com os integrantes dos seis grupos criados desde janeiro de 2016. Foram três no ano passado e três neste ano, sendo que dois ainda estão ativos. “Convidamos aqueles que conseguiram parar de fumar e também os que tiveram recaídas. Cada um poderá trazer também um familiar. Devem participar cerca de 50 pessoas”, ressalta a psicóloga Jaqueline Fuck Jochem.

O evento está marcado para as 19h, na Unidade Básica de Saúde. Vai ter palestra com o tema: A importância do apoio da família no processo de parar de fumar. Em seguida quatro ex-fumantes darão depoimentos.

Para encerrar, a Secretaria de Saúde vai cria um novo grupo de apoio. “A ideia é convidar as pessoas que já participaram da atividade, mas que não conseguiram a largar o vício do cigarro, a fazerem uma nova inscrição. Vamos criar um novo grupo, dando a oportunidade para esses fumantes a começarem novamente um trabalho de acompanhamento profissional”, ressalta o prefeito Urbano José Dalcanale.

 

Pin It
Você gostaria de comentar?