Ibirama – Prêmio “Adolfo Bini” é lançado

Na noite desta segunda-feira (18), foi realizada a cerimônia de lançamento da primeira edição do Prêmio “Adolfo Bini”, que tem como slogam “Reconhecer é Fundamental”. Esta homenagem, que está sendo organizada pela Associação Empresarial de Ibirama – Aciibi, Câmara de Dirigentes Lojistas de Ibirama – CDL, Prefeitura Municipal de Ibirama, Jornal Vale do Norte e Rádio Belos Vales, tem a intenção de reconhecer e valorizar as empresas geradoras de riquezas que contribuem para o desenvolvimento do município de Ibirama.

O evento aconteceu na Câmara Municipal e contou com a participação de representantes da Prefeitura de Ibirama, Câmara de Vereadores, comércio, indústria, imprensa, familiares de Adolfo Bini e a comunidade em geral.

A entrega da premiação será na noite do dia 12 de março, no Restaurante e Choperia Arca, e fará parte das comemorações alusivas a data de Emancipação Político/Administrativa do município de Ibirama, comemorada em 11 de março. O jantar por adesão pode ser adquirido no valor de R$ 25,00 na Aciibi.

Neste dia, quatro segmentos serão homenageados: indústria, comércio, prestação de serviços e agropecuária, sendo que dentro de cada ramo, seis prêmios serão concedidos, levando-se em consideração o percentual de participação no montante total e o percentual de crescimento de cada empresa, totalizando 24 vencedores.

Quem foi Adolfo Bini?

Um dos principais objetivos do Prêmio “Adolfo Bini” é homenagear este homem conhecido no município por sua superação, profissionalismo e dedicação. Nascido na localidade de Pouso Redondo, Adolfo Bini veio para Presidente Getúlio aos 24 anos com formação em contabilidade, onde trabalhou na subdelegacia de polícia.

Em 1950 se transferiu para Ibirama. Autodidata, sempre gostou de estudar e se aprimorar. Em 1956 fundou a “Associação Comercial e Industrial de Ibirama e Presidente Getúlio”, atual Associação Empresarial de Ibirama, onde foi presidente por 40 anos.

Por sua capacidade de discernimento, inteligência e empreendedorismo, suas ações sempre contribuíram para o desenvolvimento cultural e econômico de Ibirama. Ele ajudou no fortalecimento do associativismo da cultura local se transformando em um dos profissionais mais respeitados e admirados no município. Faleceu no dia 27 de maio de 2012 aos 89 anos.

Pin It

Comentários estão fechados.