Homem é baleado após apontar arma para policiais em Rio do Sul

Segundo o relatório da PM na noite de sexta-feira, por volta das 23:11 h, a polícia militar foi acionada para verificar uma discussão entre dois homens, que estava acontecendo no Bairro Albertina, em Rio do Sul, em uma residência as margens da Rodovia SC 350.

Segundo a denúncia, a PM, um dos homens estaria armado com um revólver. Ainda segundo o relatório, chegando no local, os policiais viram dois homens dentro da casa, sentados frente a frente e um revólver sobre uma mesa ao lado deles. Um dos homens, Gilmar Strey, 24, estava visivelmente alterado e agressivo, dizendo que iria matar alguém, enquanto o outro homem tentava acalmá-lo.

Os policiais então entraram pela porta da casa, que estava aberta, momento em que Gilmar pegou a arma. Os policiais ordenaram que ele largasse a arma, mas ele apontou para os policiais e puxou o gatilho. A arma falhou e não disparou.

Em defesa própria e dos outros policiais, um dos PM efetuou um disparo contra Gilmar, para contê-lo e repelir a injusta agressão, atingindo-o no tórax. Imediatamente foi acionado o resgate, que conduziu Gilmar ao hospital.

De acordo com a PM, ele passou por cirurgia para a retirada do projétil e permaneceu internado.

A arma que estava com Gilmar era um revólver calibre 22 que tinha em seu tambor 3 munições intactas, 3 munições percutidas e não deflagradas e 2 deflagradas. Além disso, 6 munições intactas foram encontradas na carteira de Gilmar.

No relatório ainda diz, que a arma e as munições foram entregues na delegacia, onde o delegado de plantão informou que não faria o flagrante e abriria um inquérito para apuração dos fatos.

Pin It
Você gostaria de comentar?