Gruta de Ituporanga começa a ser preparada para Semana Santa

Com a chegada da Semana Santa, grupos religiosos de várias cidades do Alto Vale do Itajaí vêm a Ituporanga. O destino dos católicos é a Gruta Nossa Senhora de Lourdes, visitada por milhares de fieis entre a quinta-feira e a sexta-feira (24 e 25/03). Neste ano, o cenário estará diferente em função da revitalização.

As melhorias que preservam a originalidade do local e os valores histórico e ecológico estão sendo executadas desde outubro de 2015.  Cerca de 60% do trabalho foram executados. Estão pendentes o portal, sinalização da pavimentação, pergolados, grades de proteção, que devem exigir mais tempo para a finalização.

Mesmo com o espaço em obras, o prefeito de Ituporanga, Arno Zimmermann, após consultar setor de Planejamento e o Conselho Pastoral da Comunidade (CPC) decidiu abrir o espaço à visitação durante a Semana Santa. “A revitalização não coloca as pessoas em risco e não impede a passagem. Mesmo assim pedimos cautela e atenção para evitar transtornos. A empresa que executa o trabalho fará a sinalização no trecho que ainda está em obras”, observa Arno Zimmermann.

A obra terá um investimento de mais de R$ 500 mil e contempla ainda a colocação de pavers da entrada da gruta até a subida onde estão localizadas as estações que ilustram a via sacra de Jesus Cristo, substituição do piso de pedra ardósia na subida das estações por piso de concreto, reestruturação do lago existente no local, sanitários novos, corrimãos para dar mais segurança aos visitantes, um deck de observação localizado em ponto estratégico, além de toda drenagem pluvial. “A obra está melhor que no ano passado. As pessoas vão vir e entender que as melhorias serão para o bem de todos. Esta conquista do prefeito Arno e do deputado federal Rogério Peninha Mendonça é um presente para nossa comunidade. Com recursos próprios seria impossível fazer esta reforma”, detalha o presidente da CPC da Igreja Matriz, Dagoberto Schmitt.

Estações

O trabalho de revitalização não inclui a restauração das estações da via sacra. Mas com apoio de empresários, as imagens, estão sendo reconstruídas.

Estéla Becker

Pin It
Você gostaria de comentar?