Epagri lança novo cultivar de cebola em Ituporanga

ituporanga_-_cebola_20170322_1466687439

A Estação Experimental da Epagri em Ituporanga (EEIt) lança nesta sexta-feira, 24, às 9h, seu oitavo cultivar de cebola, a SCS373 Valessul. O novo produto reúne duas características importantes de outras duas variedades desenvolvidas pela unidade: o ciclo da Bola Precoce e casca da Crioula.

Cultivares com ciclo de Bola Precoce, que podem ser colhidos a partir de novembro, são os mais plantados no Estado. No entanto, os bulbos com casca mais escura, como é o caso da cebola Crioula, são mais valorizados por produtores e consumidores.

A casca mais escura da cebola Valessul vai permitir melhor conservação pós-colheita. Assim, o agricultor poderá manter seus estoques armazenados por mais tempo, escolhendo a melhor época de venda com base no preço. Além disso, os bulbos com coloração marrom agradam mais aos comerciantes e consumidores, facilitando a venda do produto.

Em abril, a EEIt promove chamada pública para eleger uma empresa que multiplicará e revenderá sementes comerciais do SCS373 Valessul. A expectativa é de que já em 2018 existam sementes comerciais à disposição dos agricultores catarinenses que desejarem plantar a nova cebola da Epagri.

O desenvolvimento deste novo cultivar demandou pelo menos uma década de estudos, conduzidos pelo programa Melhoramento Vegetal da Estação Experimental da Epagri em Ituporanga. Ao longo de sua história a unidade já desenvolveu outros sete cultivares, sendo que cinco deles seguem em uso pelos agricultores: SCS366 Poranga, Epagri 363 Superprecoce, Empasc 352 Bola Precoce, Empasc 355 Juporanga e Epagri 362 Crioula Alto Vale.

Santa Catarina é o maior produtor nacional de cebola. Segundo estimativas da Epagri, é provável que a safra 2016/2017 chegue a 560 mil toneladas, o que seria um recorde, superando a safra histórica de 2010.

Pin It
Você gostaria de comentar?