Comitiva da Defesa Civil SC viaja aos EUA para vistoria de radar móvel na fábrica

Uma comitiva da secretaria de Estado da Defesa Civil irá verificar o radar móvel na fábrica nos Estados Unidos da América. O grupo ficará desde o dia 27 de março até 06 de abril realizando testes e treinamentos no equipamento meteorológico. Depois de pronto, o aparelho vai cobrir o Sul de Santa Catarina e poderá se deslocar para qualquer região do Estado se necessário.

O grupo é formado pelo secretário de Estado, Rodrigo Moratelli; diretora Administrativa e Finanças Adriana Dorfey Vieira; gerente de Tecnologia da Informação e Governança Eletrônica Rafael Damiani; gerente de Monitoramento e Alerta Frederico Rudorff.

Assim como foi feito no radar meteorológico que ficará no Oeste, fabricado na Alemanha, também será inspecionado o equipamento móvel nos E.U.A.. “Faremos o treinamento e a certificação do aparelho de acordo com as características contratuais”, explica o secretário Moratelli.

O gerente de Tecnologia da Informação e Governança Eletrônica, Rafael Damiani, vai aprender a instalar e operar o radar. O gerente de Monitoramento e Alerta Frederico Rudorff, aprenderá a operar o aparelho e Software que gera as imagens para fazer a leitura. A diretora Administrativa e Finanças Adriana Dorfey Vieira, é responsável pelos ajustes contratuais, encaminhamento do produto ao Brasil e desembaraço aduaneiro.

Radar

Foto ilustrativa.

Foto ilustrativa.

A empresa que está fabricando o radar é a Norte Americana Enterprise Electronics Corporation (E.E.C). O Radar móvel é do modelo Banda X e vai cobrir 52 municípios. Ele também poderá se deslocar para qualquer região de SC quando necessário. Por exemplo, o desastre no Morro do Baú, no Vale do Itajaí em 2008. “Num evento como esse, o aparelho vai para a região a fim de monitorar o local com mais precisão. Isso permite posicionar o equipamento numa área para gerenciar a crise”, explica Moratelli. O investimento do radar móvel é de R$ 3.401.222,00 com recursos do Pacto por SC financiados pelo Banco do Brasil.

O radar móvel atuando junto com os radares em Lontras e Chapecó (em aquisição), Santa Catarina terá todo o território coberto por radares meteorológicos em 2017.

“Seremos o único Estado do país com cobertura plena de radares meteorológicos. Isso é um marco para nós da secretaria porque possibilita mobilizar toda a estrutura de defesa civil preventivamente antes do desastre. Também melhora a preparação da equipe; auxilia na operação das barragens no Vale do Itajaí e auxilia outros setores que atuam no eventos também”, comenta Moratelli.

Pin It
Você gostaria de comentar?