Cavalgada do batom terá renda revertida para a Rede Feminina de Ibirama

Cavalgada

A primeira Cavalgada do Batom do Alto Vale que acontece em Dona Emma no dia 24, terá sua renda revertida para a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Ibirama.  O evento, que é o primeiro nesse estilo na região, será promovido pela Associação Amigos da Cavalgada e voltado para mulheres que poderão desfrutar de um passeio diferente em meio à natureza, além de divulgar a importância dos exames para prevenir a doença.

A cavalgada de 13 quilômetros inicia no Complexo Esportivo Municipal Alfred Dahm, no Centro de Dona Emma segue para o Bairro Nova Esperança, com retorno para o Centro.  A expectativa é de que cerca de 70 mulheres participem montadas e tragam suas famílias para acompanhar.

De acordo com o vice-presidente da Associação, Vilmar Jaques, inicialmente a intenção era realizar o evento em alusão ao Outubro Rosa, mas como já haviam muitas cavalgadas agendadas pela região, o grupo decidiu se antecipar. “Independente de data o importante é que além de proporcionar uma dia diferente para as mulheres, que ainda são excluídas do mundo do cavalo, poderemos divulgar o trabalho fantástico da Rede Feminina e chamar a atenção para essa causa, principalmente das mulheres do interior por onde vamos passar, já que este é um público que ainda tem um pouco de receio de fazer os exames preventivos”, ressaltou.

Ele explica que a programação inicia às 7h com a recepção das amazonas e familiares, depois será oferecido um café da manhã aos participantes. A saída da cavalgada esta marcada para às 9h e a chegada para às 11h. Ao meio dia haverá almoço com churrasco e serviço de bar e recreação. “Como não cobramos inscrição para a cavalgada o lucro do evento que doaremos para e Rede será da venda do almoço, então estão todos convidados a virem prestigiar e ajudar a entidade”, esclareceu.

A presidente da RFCC de Ibirama, Cintia Catafesta Francisco destaca que iniciativas como esta, que divulgam o trabalho da Rede, além de contribuírem financeiramente com a entidade, são sempre importantes, pois é através da união de esforços que muitas vidas poderão ser salvas. “O lema da Rede é restaurar e preservar vidas, mas não podemos fazer isso sozinhas. Quanto mais pessoas mobilizadas contra o câncer, mais finais felizes poderemos ter afinal o câncer tem cura e quanto mais cedo for descoberto, maior a chance de sucesso no tratamento então só temos a agradecer toda ajuda.”

Helena Marquardt

Pin It
Você gostaria de comentar?