Câmeras de monitoramento em Lontras

MONITOra

Mais 100 municípios catarinenses vão contar com câmeras de vigilância nas ruas. Lontras está entre leas. A expectativa é que as câmeras estejam operando até abril de 2014.
Os critérios adotados para escolha dos municípios vão desde a população, incidência criminal, localização geográfica ao interesse das prefeituras, pois elas participam com contrapartida. A contrapartida de Lontras será de R$ 80 mil.
De acordo com o secretário da SSP, César Grubba, é necessário que o município assine convênio com o Estado para receber o sistema. Estão sendo oferecidas cinco categorias de projetos para a instalação de seis a 10 câmeras de vigilância por cidade. Os recursos são do Pacto da Segurança. Serão R$ 10 milhões para instalação de 1.000 novas câmeras de vigilância.
— O projeto é importante, mas não é a solução milagrosa para os problemas de segurança. Trata-se de uma ferramenta de apoio ao trabalho policial, potencializando as ações de vigilância — assinala Grubba. Ainda segundo o secretário, a previsão é de que até o final de 2014 mais de 60% dos municípios estejam trabalhando com o sistema de videomonitoramento.
As imagens monitoradas são compartilhadas com a Polícia Civil, auxiliando na identificação de criminosos e no trabalho investigativo. Conforme a SSP, estatísticas mostram redução criminal em áreas monitoradas. Por exemplo, queda de 70% nos arrombamentos praticados fora do horário comercial.

Léo Arruda – Assessoria de imprensa da PML.

Pin It
Você gostaria de comentar?