Rio do Sul luta até o fim, mas perde fora de casa para o Vôlei Nestlé (SP)

CI0I7543

Rio do Sul foi valente até o fim, mas não conseguiu superar o Vôlei Nestlé em jogo da Superliga Feminina na noite desta terça-feira (1° de novembro) em Osasco (SP). O time catarinense perdeu por 3 sets a 0 (25/20, 28/26, 25/18) e amarga a primeira derrota na competição após a boa vitória na estreia diante do Sesi-SP. A central Bia de Osasco foi eleita a melhor do jogo.

Sem poder contar com a levantadora Carol, com dores nas costas, o time de Rio do Sul teve Fran como titular, com méritos também pela boa partida que fez na abertura da Superliga. Mesmo sem uma das principais jogadoras, Rio do Sul lutou como muita vontade, como lhe é característico e sem deixar o adversário ter vida fácil.

Rio do Sul fez um primeiro set tendo que correr atrás do placar e de início, viu as donas da casa abrirem a vantagem. Tandara era o nome do jogo com pontos de ataque e muita vitalidade. As catarinenses buscaram a reação e chegaram a encostar no placar no momento da inversão do 5-1 do time paulista. Mas a parcial acabou mesmo nas mãos das donas da casa.

O segundo set foi bastante equilibrado e Rio do Sul começou a colocar toda a força de suas atacantes para buscar o resultado. Natiele e Camila Paracatu de Rio do Sul vinham muito bem enquanto a central Bia tinha uma atuação bastante segura pelas mãos da levantadora Dani Lins.

O equilíbrio não foi o mesmo no terceiro set, mas nada que deixasse a equipe catarinense menos valente. Natiele permanecia como principal destaque do ataque catarinense, o que também deixou o time de Osasco mais atento contra a jogadora que é a capitã do time de Rio do Sul. Com alguns erros e a forte atuação de Tandara e Bia, o time catarinense não teve reação e acabou saindo de quadra derrotado.

Ao final do jogo, a central Camila Paracatu disse que o time errou muito na definição das jogadas de ataque, o que compromete bastante quando se enfrenta um time tão qualificado quanto à equipe de Osasco. Já a líbero Tati Rizzo explicou que o adversário sacou muito bem, impedindo um melhor trabalho no levantamento e ataque. “Temos confiança na equipe e podemos melhorar para a próxima rodada”, definiu a jogadora argentina.

A próxima partida de Rio do Sul é na sexta-feira (4), também fora de casa, contra o Fluminense (RJ), na capital carioca. A partida começa às 20h no ginásio da Hebraica. Em casa, Rio do Sul encontra o torcedor no dia 10 de novembro contra o Brasília. Os ingressos começam a ser vendidos nesta semana ou podem ser adquiridos pelo site: www.voleiriodosul.com.br/loja.

 

Clóvis Eduardo Cuco

Pin It
Você gostaria de comentar?