“Saramandaia” chega ao fim hoje e ninguém se importa muito com isso

NOcenadasemana08092013CAPA

A atual novela das 23 h da Globo deixou um gostinho amargo. “Saramandaia” passou longe de agradar o público e de se equiparar à audiência das novelas antecessoras, como “O Astro” e “Gabriela”, mesmo tendo uma produção impecável e uma crítica política muito competente. Pessoalmente, posso apontar três elementos que não me atraíram nem um pouco nessa novela e que podem tentar ajudar a explicar a falta de adesão das pessoas aos saramandismos:

1- O casal principal: O romance de Vitória (Lília Cabral) e Zico (José Mayer) nem existia na versão original da novela, e percebemos que poderia continuar sem existir. A química entre os dois personagens era tão boa quanto um copo com água e óleo, e suas cenas podiam ser descritas como soníferos em formato de dramaturgia. Zico é um personagem tão legal, mas quando está com Vitória ele fica atrativo como ver uma lesma atravessando uma rodovia.

2- O vocabulário: vocês podem encher os comentários do blog falando que as palavras estranhas eram uma homenagem ao Dias Gomes que eu respondo com um sonoro “e daí?”. Esses enroladismos falatórios foram baseados no jeito de falar de Odorico Paraguaçu de “O Bem-Amado”, e o autor Ricardo Linhares achou que seria legal colocá-los em toda a novela para homenagear o autor. Porém funcionava no Odorico como uma crítica aos políticos demagogos, mas deixa de funcionar quando uma cidade inteira os fala sem qualquer critério.

3- A falta de magia: “Saramandaia” começou a reagir na audiência quando a magia começou a ocupar mais espaço. O autor havia prometido mais elementos de realismo fantástico nessa versão por causa dos melhores efeitos especiais, mas o que vimos foi algo bem discreto. No fim, o momento mais esperado acabou sendo a explosão da Dona Redonda (Vera Holtz) mesmo.

Faltou um pouco de tempero para “Saramandaia” conquistar o público. Tinha uma audiência razoável, era bem feita, bem escrita, com ótimos atores (mas nem todos), porém pecou em apenas uma tarefa: ser comentada pelo público. Nesse caso, “Saramandaia” vai passar batida.

MUNDO POP.

Pin It
Você gostaria de comentar?