Em “Amor à Vida”, Paloma dá surra em Félix ao saber que ele raptou Paulinha

em-amor-a-vida-paloma-da-surra-em-felix-ao-saber-que-ele-jogou-paulinha-na-cacamba-1384767587565_620x465

Em “Amor à Vida”, César (Antonio Fagundes) revelou a toda a família que Félix (Mateus Solano) jogou Paulinha (Klara Castanho) em uma caçamba de lixo na noite em que ela nasceu. Paloma (Paolla Oliveira) não quer acreditar, mas não resta dúvida quanto a culpa do irmão quando o pai exibe a echarpe em que Paulinha estava enrolada naquela fatídica noite com as digitais do vilão.

Atordoada e cega de raiva, Paloma grita, diz que odeia Félix e parte para cima dele, distribuindo tapas com a força dos anos da tristeza acumulada pela distância da filha. “Eu sempre te amei, Félix. Você me chamava de meu doce. Como você pôde fazer isso comigo, como?”, pergunta a médica.

Félix admite que não gosta da irmã. “Eu nunca gostei de você, Paloma. Nunca. Desde menino, quando você chegou e me disseram, ‘Felix, você tem uma irmãzinha’, eu te considerei uma intrusa. O meu pai nem olhava mais pra mim desde que você chegou, Paloma. Você me roubou o amor do meu pai”, diz ele.

A pediatra fica chocada com tanto rancor e rebate. “Sempre na vida eu estava disposta a te dar amor. Agora, no lugar dele, tem um sentimento tão ruim que nem sei o que é. Por mim, você pode morrer sozinho”, esbraveja. Paloma ainda diz que vai entregar o irmão à polícia. “Eu nunca mais quero que você se aproxime de mim ou da minha filha. Você me tirou os primeiros anos da minha filha. Você tirou um pedaço da minha vida, Félix, e isso eu não posso perdoar. Nunca! Você fala de amor, mas você fede, Félix. Cheira mal”, grita.

A cena vai ao ar no dia 18 de novembro.

Félix desmascarado
Após a revelação de Edith (Bárbara Paz) de que Félix raptou Paulinha após o nascimento da menina, César ficou desconfiado e resolveu investigar a verdade sobre o ocorrido com a neta, contando com a ajuda de Bruno (Malvino Salvador).

Tendo encontrado as digitais do filho na echarpe em que Paulinha foi encontrada, César reúne a família Khoury e anuncia que tem uma  revelação a fazer. “Vocês agora vão saber toda a verdade sobre o Félix”, diz o médico. “Estou procurando as palavras certas, para não chocar a Paloma e a sua mãe”, afirma César, deixando as duas preocupadas.

“Foi o Félix que roubou a criança que a Paloma teve no banheiro daquele bar. Roubou a menina e atirou numa caçamba. O Félix”, revela. “O que você está dizendo, pai?”, pergunta Paloma. Ela logo começa a juntar as peças do quebra-cabeça. “O Bruno (Malvino Salvador) encontrou a Paulinha em uma caçamba”, lembra a médica.

Félix tenta negar tudo, mas em vão. “A história do nascimento da Paulinha tem mais de doze anos, e se o meu pai ressuscitou isso agora, é porque quer me destruir. Sim, é isso mesmo, ele quis falar aqui, na sua frente, Paloma, e na frente da minha mamy, porque quer acabar comigo, quer me tirar da presidência do hospital. Que golpe sujo, pai”, afirma.

Bruno chama Márcia (Elizabeth Savalla) e Efigênio (Gláucio Gomes), ex-dono do bar onde Paloma deu à luz para que eles confirmem a história. “Eu sempre te amei como um irmão, sempre acreditei que você me amava. Você atirou a minha filha numa caçamba?”, pergunta Paloma para o vilão.

Félix tenta convencer Paloma e Pilar (Susana Vieira)a não acreditarem na história, mas as testemunhas confirmam tudo.

“Na época, eu não quis falar para a polícia, por medo, mas eu era outro homem. Um rapaz entrou no bar perguntando por você. Ele”, diz o pastor, apontando para o vilão.

Não satisfeito com todo o barraco, César dá o xeque-mate: “Eu tenho uma prova. A prova que você precisa, Paloma”, diz o médico, que mostra a echarpe de Paulinha – a mesma que ela usava no dia em que sumiu – e revela que impressões digitais de Félix foram encontradas nela.

Vendedor de hot dog

Depois de toda a família Khoury descobrir que o vilão jogou a sobrinha no lixo, Félix será expulso da mansão e perderá o cargo de diretor do hospital.

Em um primeiro momento, ele dormirá em um hotel cheio de baratas, mas depois vai procurar abrigo na casa de Márcia, sua ama de leite. Sem dinheiro e desempregado, Félix se torna garçom no bar de Denizard (Fúlvio Stefanini), mas Bruno (Malvino Salvador) logo faz o pai despedir o vilão.

Sem saída, ele terá que ajudar Márcia a vender hot dog.

Félix —Conseguir emprego pra mim tá mais difícil que comprar plumas no carnaval. É o Apocalipse!
Márcia — Eu já achei um emprego pra você.
Félix — Ah, não diga que arrumou algum daqueles bares gordurentos pra eu trabalhar. Já me recuso. Prefiro limpar vidros no alto de um prédio, assim eu posso admirar a vista.
Márcia — Não, eu te arrumei um trabalho ao ar livre.
Félix — Ao ar livre? Já me interessei. Atividades ao ar livre sempre tem um quê de chique. Diga, minhas orelhas já tão abanando como leques.
Márcia — Você vai trabalhar junto comigo! Vai pra 25 de março amanhã, vender hot dog!
Félix — Hot dog?

UOL.

Pin It
Você gostaria de comentar?