Rio do Sul recebe espetáculo Manotas Musicais

Manotas Musicais - Grupo Trampulim Credito Flavia Mafra

O espetáculo Manotas Musicais, do Grupo Trampulim, de Belo Horizonte (MG), é o primeiro a circular por Santa Catarina através do Aldeia Palco Giratório, projeto nacional do Sesc. Em Rio do Sul, será apresentado na terça-feira, dia 3, às 19h30min, na Fundação Cultural. A entrada é gratuita.

A peça usa a música como ferramenta de jogo para o palhaço. Na trama, os palhaços Benedita Jacarandá e Sabonete resolvem que são músicos clássicos. Para isso, convidam uma banda composta por três exímios paspalhos. O que era para ser um grande “concerto” se converte numa “Manota Musical”. Não satisfeitos, Benedita e Sabonete querem ser maestros. E a orquestra? É o público.

Com um repertório eclético, jogos musicais e gags tradicionais de palhaço, Benedita e Sabonete conduzem o espetáculo a um momento surpreendente: o público, sob a regência dos palhaços-maestros, se transforma numa grande orquestra musical. O espetáculo também investe no papel da plateia como parte integrante da cena, transformando a apresentação numa experiência rica e arriscada. Trata-se de uma jornada recheada de humor, diversão e surpresas.

Manotas Musicais utiliza 250 tambores como forma de comunicação e aproximação com o público, propondo que o mesmo se torne protagonista e integre o espetáculo. Os tambores são distribuídos durante a encenação. Aliado a essa proposta musical está o jogo do palhaço. As gags tradicionais ganham nova roupagem e são um convite ao riso e à inversão da lógica. O repertório contempla O Trem Caipira, de Heitor Villa Lobos, e músicas inventadas pela banda de palhaços.

O projeto Aldeia Palco Giratório do Sesc está na 19ª edição e até o final do ano levará 728 apresentações artísticas para 145 diferentes cidades brasileiras. Informações: (47) 3521-2798 / http://portal.sesc-sc.com.br/evento/2630.

Sobre o Grupo Trampulim

Criado em 1994, o Grupo Trampulim especializou-se na linguagem do palhaço que, aliada à música e à improvisação, forma o que é hoje o eixo artístico do grupo. Reconhecido por sua maneira autêntica de se comunicar com o público, o Trampulim é formado por artistas comprometidos em fazer de sua arte uma ferramenta para surpreender, emocionar e transformar.

Tiago Amado

Pin It
Você gostaria de comentar?