Prêmio Nodgi Pellizzetti 2016 contempla 21 projetos culturais de Rio do Sul

Avaliação do Prêmio Nodgi Pellizzetti de Incentivo à Cultura 3 - Foto Tiago Amado

A segunda edição do Prêmio Nodgi Pellizzetti de Incentivo à Cultura aprovou 21 projetos artísticos e culturais de Rio do Sul. São projetos da sociedade civil que receberão prêmios de até R$ 30 mil para ações em diferentes áreas. A lista dos contemplados está publicada no portal do Sistema Municipal de Cultura: www.smcriodosul.com.br.

O edital 2016 soma R$ 310 mil e recebeu a inscrição de 65 projetos, como propostas de lançamentos de livros, gravações de CDs e documentários, espetáculos de teatro e dança, intercâmbios, residências, exposições de artesanato e outras. Após o processo de habilitação e de pedidos de recurso pelos inscritos, 55 projetos foram aprovados para a fase de seleção. No dia 20 de agosto, a Comissão Autônoma de Seleção avaliou os projetos habilitados com base nas regras do edital.

A comissão foi formada por artistas e profissionais de fora de Rio do Sul e com notável conhecimento e atuação nas suas respectivas áreas. Foram eles: Pépe Sedrez, Lucas David, Ricardo Garlet, Dianalice Lodi Ribeiro, Pedro MC, Peter Paul Welffens Lorenzo, João Luís Chiodini, Borges de Garuva, Alegre Corrêa, Marcelo Rosa Barbosa, Denise Magda Corrêa Thomasi e Marcos Rodrigues da Silva.

Os aprovados serão chamados para a assinatura dos contratos e, posteriormente, receberão os valores dos prêmios. O prazo para a execução dos projetos é de de 180 dias, com possibilidade de prorrogação pelo mesmo período, caso o proponente julgue necessário.

Os projetos foram inscritos nas áreas de: Artes Visuais, Design e Moda; Audiovisual e Comunicação em Cultura; Artes Cênicas; Música; Livro, Leitura e Literatura; Patrimônio Material e Memória; Patrimônio Imaterial e Identidade; Formação em Cultura e Residências.

Tiago Amado

Pin It
Você gostaria de comentar?